O seu carrinho

Your cart is currently empty!

Continue shopping

Cart total : €0,00


Chineses às compras em Bordéus

Jun 08 , 2015

Chineses às compras em Bordéus

Apesar de se verificar nos últimos meses um decréscimo nas exportações dos vinhos de Bordéus para a China (o principal mercado destes vinhos franceses a nível mundial), os empresários chineses continuam a investir na compra de châteaux franceses. Na realidade, este tipo de investimentos é considerado hoje pelos chineses como um troféu empresarial, para além de serem vistos como negócios muito seguros e sofisticados.
A conhecida empresa intermediária internacional Maxwell-Storrie-Baynes realizou muito recentemente duas transacções de vulto. O magnata da hotelaria Chen Miaolin comprou o Chateau de Birot, em Côtes de Bordeaux Cadillac (uma das designações de origem (“appellation”) de Bordéus) pertencente à família Fournier-Castéja. A outra aquisição foi a do château Renon, também na região de Côtes de Bordeaux, o qual foi vendido ao bilionário Zhou (“James”) Yunjie, principal accionista da ORG Packaging, empresa de embalagens cotada na bolsa de Shenzhen.
No Médoc, o Chateau Preuillac, uma propriedade de 30 hectares, foi também comprada por um empresário chinês, o qual já tem dois outros châteaux na região.
Nas últimas edições da feira Vinexpo, a qual decorre este ano em Bordéus, entre os dias 14 e 18 de Junho, os visitantes chineses afluíram assim em grande número, tendo mesmo na sua última edição (2013) triplicado a sua afluência, com mais de 2.300 presenças.

Loading
Thank you for signing up!
English
English