O seu carrinho

O seu carrinho de compras está neste momento vazio.

Continuar a Comprar

Total do carrinho €0,00


Antes do São Martinho, vai à adegga (do ribeirinho)…

Dec 19 , 2014

Antes do São Martinho, vai à adegga (do ribeirinho)…

É difícil definir numa frase a atividade de André Ribeirinho. Não vem de uma família de enólogos, nunca produziu vinhos e, como muitos, nem sequer os bebia. Como tantos, foi precisamente a descoberta do vinho e a imensidão do “puzzle” vitivinícola, que o lançaram à descoberta desse mundo, numa altura em que a Internet se tornava numa ferramenta indispensável para qualquer iniciado. Dito isso, talvez pudéssemos então definir este enófilo de 36 anos, como aquele que melhor soube cavalgar a onda dos winebloggers!

O homem por trás do Adegga Wine Market, cedo se distinguiu por uma abordagem distinta: longe de se limitar a provar vinhos, publicando as suas notas, criou uma rede social para amantes da bebida de Baco. Bingo! Com o advento das redes sociais, ei-lo na crista da onda. O objetivo da aplicação não diferia de milhares, milhões de winebloggers: ajudar-nos a escolher o vinho nas prateleiras dos supermercados. Dez anos depois, a rede social Adegga recebe 100 mil visitantes por mês. Procuram recomendações sobre o que de melhor se produz na área e, claro, publicar as próprias críticas.

Nos anos seguintes, André criou ainda uma base de dados a nível mundial de identificação por código de cada vinho – o código AVIN (comparável ao ISBN dos livros) – e passou a organizar, desde há cinco anos, o Adegga Wine Market que o Hotel Flórida recebe, este sábado, em Lisboa.

Ora, mais do que provar os rótulos de 40 produtores (que há muito conhecemos), é sobretudo uma oportunidade para testar aquela que, para nós, é talvez a ideia mais inovadora de André: o "Smart Wine Glass" (copo de vinho inteligente). Na prática, um copo com um “chip” eletrónico, para resolver o problema dos frequentadores de provas e eventos afins. O apreciador passa o copo no sensor de cada mesa e quando chega a casa tem no computador um e-mail a recordar tudo o que provou. Uma ideia que lhe valeu o prémio WBIS (Wine, Business and Inovation Summit), em Munique.  O que leva André Ribeirinho a sonhar desde já com a exportação do seu evento, o Adegga Wine Market, para as margens do Reno. Em 2015, assim a onda virtual o permita…

A carregar
Obrigado por subscrever!
Portuguese (Portugal)
Portuguese (Portugal)