O seu carrinho

O seu carrinho de compras está neste momento vazio.

Continuar a Comprar

Total do carrinho €0,00


Vinho na banheira

Feb 12 , 2015

Vinho na banheira

O jogador dos New York Knicks tornou público o recurso à vinhoterapia quando, em Outubro do ano passado, colocou na internet uma “selfie” numa banheira de vinho. Na altura, Stoudemire recuperava de uma intervenção cirúrgica e a foto do invulgar tratamento tornou-se viral, ou não se tratasse de uma estrela do campeonato profissional de basquete (NBA).

Desta vez o polémico pivot foi ainda mais longe, recebeu Sam Alipour, da ESPN, para uma entrevista na banheira e convenceu o repórter a juntar-se a ele, mergulhando no vinho aquecido. Na verdade, não se trata de encher a banheira lá de casa com umas garrafas de tinto. O jogador frequenta habitualmente o “Aire Ancients Baths”, no bairro nova-iorquino de SoHo, onde uma mistura do tinto espanhol Matarromera Crianza e anti-oxidante de película de uvas tintas é aquecida a quase 37 graus centígrados (90º Fahrenheit).

Esta espécie de sauna vínica faz parte de um pacote que inclui hora e meia de massagem e cada sessão custa cerca de 500 euros. Embora o mérito do tratamento não esteja cientificamente comprovado, Stoudemire garante que o ajuda bastante. “É excelente para recuperar” afirma na entrevista, onde confessa que os seus banhos são alvo recorrente de piadas no balneário dos Knicks. Não só pela estranheza do método mas sobretudo pela qualidade do néctar. É que o jogador não se poupa a despesas, que é como quem diz, não se banha em zurrapa. “É do bom”, garante na inédita entrevista.

A carregar
Obrigado por subscrever!