O seu carrinho

O seu carrinho de compras está neste momento vazio.

Continuar a Comprar

Total do carrinho €0,00


Vinhos de Lisboa crescem mais de 25%

Jul 17 , 2015

Vinhos de Lisboa crescem mais de 25%

O consumo dos vinhos de lisboa disparou: só na primeira metade de 2015, foi claramente superior ao verificado no ano passado, verificando-se um crescimento de 26%

16.3 Milhões: Foi este o número de garrafas certificadas pela Comissão Vitivinícola da região de lisboa (CVR Lisboa), mais de 26% do que no mesmo período do ano anterior.
Num comunicado, a CVR Lisboa realça que “a excelente performance” registada até ao momento está directamente relacionada com as exportações que representam, neste momento, 65% da produção da região. Os principais mercados que mai srequisitam os vinhos de lisboa são o Brasil, Benelux, Angola, Rússia, Brasil e Países Nórdicos.

A manter este ritmo, 2015 poderá mesmo vir a ser o melhor ano dos vinhos de lisboa. Pelo menos é esta a expectativa do presidente da CVR Lisboa: “Se continuarmos a crescer a este ritmo, 2015 deverá ser o nosso melhor ano, ultrapassando desta forma, os 30 milhões de selos, ou seja, o equivalente ao mesmo número de garrafas de vinho certificado”.

Na verdade a pouco mais de dois meses da época das vindimas, e de forma a criar bases sólidas face ao crescimento verificado, a CVR Lisboa está a alertar os seus produtores individuais, as cooperativas, e as grandes firmas engarrafadoras para que certifiquem, pelo menos, mais 10 a 15% de vinho como Regional Lisboa ou como DOC, de forma a evitar “correr o risco de chegar a meio do ano sem vinho certificado”.
O público-alvo dos vinhos é apontado pela Comissão como sendo um público relativamente jovem mas “arrojado” e “aberto a novas experiência”, com idades compreendidas entre os 30 e 40 anos.

Lisboa é a segunda maior região vitivinícola do país, produzindo, em anos considerados normais, cerca de 100 milhões de litros de vinho. A maior é a região do Douro.
 

A carregar
Obrigado por subscrever!